segunda-feira, 6 de abril de 2015

(Ausência) Anotações pra mim mesma # 04


Olá criaturas, sim.. estou ausente há tempos.. bem.. isso se dá a minha rebeldia, a minha descrença e irritação com a humanidade e cia.. principalmente o entojo que ando tento sobre o mundo virtual, todos os feeds, todas atualizações e upgrades,e a realidade virtual me irritam no nível máximo.
Até que ponto a internet influência a vida de uma pessoa?! Até que ponto eu sou eu real.. e eu virtual?! Que mundo é esse?! Onde que eu estou?!

Uma das minhas características marcantes é minha falta de paciência com tudo e todos, quando o meu pote de paciência está vazio, eu costumo me afastar, Sou o tipo de pessoa que taca o "foda-se" e e some. Já desisti de vários blogs, projetos, porque quando se torna uma obrigação, uma promessa, eu não cumpro. Não sei cumprir metas, não suporto limites, datas, tudo aquilo que possa me prender.
Tenho uma alma livre, ela se vai e eu quem tenho que acompanhá-la por ai, em tempos em tempos a minha vida toda muda e eu preciso seguir ela e acabo deixando tudo de lado para me dar um novo começo. 

Ultimamente tenho perdido a crença nas pessoas do meu micro círculo de amizades, nunca fui de muitos amigos, os poucos que fiz na internet a cada tempo que passa vejo que são como os outros, falsos, manipuladores, interesseiros.. salvo alguns poucos verdadeiros, que por incrível que pareça todos meus amigos de verdade são homens e não mulheres. Eu sempre me dei melhor com os garotos, na época de escolha me recusava a fazer educação física com as meninas mas jogava bola com os meninos, nos finais de semana jogava beta. Eu era aquela que tinha o último jogo de guerra, o último jogo de luta.. e a que tinha as "manhas" no Fifa. Nunca fui fru-fru e mimi garotinha rosa. Nunca tive amigas para fazer as unhas, cabelo, fazer compras e toda aquela coisa toda, sempre fui moleca,

Blog de moda, maquiagem e etc é um grande avanço e um tanto que difícil pra mim, mesmo eu gostando de moda, maquiagem, mundo alternativo e afins.. não sei se me expresso bem ao falar destes assunto, estou tentando.

Cá estou na casa dos 20 e tantos, analisando os últimos acontecimentos, de todos estes meus amigos, não somos de ficar conversando tanto, isso se leva ao fato de que eles moram um tanto longe de mim, nos encontramos no máximo uma vez ao ano e mesmo assim, sabemos que pode passar mil anos e tudo vai ser igual, o sentimento não muda, a lealdade não muda. Já com as garotas, todas que "tentei" ser amiga me apunhalaram pelas costas, se afastaram,.. até cheguei a pensar que a "culpa" era minha, mas cheguei a brilhante conclusão que a culpa em si, sempre fui totalmente delas..por terem sidos falsas, duas caras, interesseiras...eu servi como amiga até certo ponto, depois descartada.

Não sou uma pessoa difícil de se lidar,mais pra mim a lealdade é uma coisa muito importante nas relações humanas, perdeu a confiança ou fez alguma coisa pra mim.. esquece.. esse ser pra mim está morto.

Podem até dizer pelos cantos que sou encrenqueira mas não é bem isso, o que é certo é certo e o que é justo é justo, não suporto gente tentando me fazer mal ou tentando fazer mal para aqueles que eu quero bem, portanto eu sempre serei assim. Outra coisa que dizem por aí é que minha boca é muito grande, sim.. é enorme e sempre eu vou falar o que eu penso sem me preocupar se você se dói com isso, porque eu não sou injusta e nunca serei..não difamo as pessoas.. eu falo mesmo quando acho que está errado.. posso ter "perdido" muita gente por isso..mas quem "perdeu" na verdade mesmo não fui eu. Não me arrependo de nada que eu fiz, que disse... minha alma está limpíssima! 

As relações com pessoas sempre foram assim pra mim, difíceis, eu não vejo o mundo como todos, eu não tenho o pensamento quadrado e não suporto ver alguém sendo o que não é, tentando colher os louros de outrem, ou mesmo conseguindo as coisas de modos escusos e adulterados, ou conseguindo as coisas sem ter mérito, isso é uma das coisas que eu mais fico puta.

Portanto, podem até dizer que sou fria, é minha defesa. Viver em sociedade machuca, as pessoas parecem não ter mais nada naquilo que chamam de coração, bondade em dia está mais em falta do que água. 

Então eu digo, respeite minha individualidade e minha solidão, meu escuro e minha ausência.
Eu preciso de tempo para cicatrizar todas as feridas das minhas batalhas e juntas todas as peças que eu perdi ao tentar fazer o bem, um dia desses eu espero perder o meu lado bondade e meu lado anjo.

A minha jornada é árdua, mas não são estes pedregulhos, pedras ou uma pedreira inteira que vão me fazer desistir, mesmo que eu ande sozinha.. sei que na verdade tenho meus anjos.. meus guias e pessoas que posso contar.

Ando aprendendo muito, e isso leva certo tempo para processar, estou processando e prosseguindo, tenho muitos projetos de modelagem alternativa no rumo, assim como os meus novos ensaios, este é um dos motivos que me ausentei, como também o fato de que meu notebook está me dando um trabalho enorme porque o meu monitor está desconfigurado, com as cores todas erradas, estou precisando editar todas minhas fotos pela minha televisão, o que faz o processo de edição um pouco mais lento, além do fato de que toda a produção até a edição final das minhas fotos são feitas por mim, tento o meu melhor, preciso melhorar sempre.

Falando nisso, fiquei muito contente com o feedback sobre meus últimos trabalhos.. também com os novos seguidores do blog, comentários e afins.. eu queria muito mesmo ter mais tempo para poder continuar com o blog, mas faço o que posso..então vamos seguindo até quando der..

Bem, o post ficou um pouco maior do que eu esperava, tudo bem, Agradeço a aqueles que tiveram paciência de ler até o final.

Blé, sendo hoje uma segunda-feira do cão após 3 dias de "descanso" - não tanto porque trabalhei meio período - temos que voltar a ativa e essa segunda foi bem ativa! Então estou meio que assim:

Creio que é só isso.. sabe como diz aquela música: "E dizem que a solidão até que me cai bem"..
eu e a solidão somos melhores amigas, eu prefiro a minha solidão a maior parte do tempo, pode ser errado,sim.. pode ser ruim.. ás vezes..mas sendo eu.. como sou.. prefiro assim..

Batkisses xox